ALERTA. Ministério da Agricultura alerta que seres humanos não devem, em hipótese alguma, usar vacinas veterinárias contra coronaviroses

Nota diz que “os agentes responsáveis pelas doenças nos animais são muito diferentes do coronavírus responsável pela Covid-19”

agricultuoro

Sede do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em brasilia. Foto: Agencia Brasil


Da redação da Rede Hoje


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento está distribuindo uma nota em que alerta sobre vacinas veterinárias. O comunicado chegou, por e-mail, agora pela manhã à redação da Rede Hoje. Segundo a nota, vacinas registradas na pasta contra coronaviroses são exclusivamente para uso em animais e não devem nunca ser usadas por seres humanos. E diz que “os agentes responsáveis pelas doenças nos animais são muito diferentes do coronavírus responsável pela Covid-19”.

 

A NOTA do é a seguinte: “O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informa que as vacinas registradas na pasta contra coronaviroses são exclusivamente para uso em animais. Jamais devem ser utilizadas em humanos. Ressaltamos ainda que os agentes responsáveis pelas doenças nos animais são muito diferentes do coronavírus responsável pela Covid-19.

 

As avaliações feitas pelo Mapa são voltadas às espécies-alvo dessas vacinas, como cães, bovinos e aves. Não existe segurança clínica muito menos qualquer indicação de utilização de vacinas de uso veterinário por humanos, sob risco de reações graves e efeitos colaterais severos.

 

REAFIRMAMOS: ESSAS VACINAS SÃO DE USO VETERINÁRIO EXCLUSIVO! JAMAIS DEVEM SER UTILIZADAS EM HUMANOS!